4 frigoríficos do Brasil impedidos de exportar carne à China

Brasil busca informações com a China sobre “as razões da suspensão dos estabelecimentos”.

O governo do Brasil confirmou, nesta segunda-feira (29), que a China suspendeu temporariamente a importação de carne de três frigoríficos brasileiros. Uma quarta planta foi vetada.

Em nota, o Ministério da Agricultura disse que “não foram apresentados formalmente os motivos das suspensões”, e acrescentou:

 “O Mapa suspendeu voluntariamente a exportação para China de um estabelecimento que teve suas atividades paralisadas em função de decisão judicial relacionada aos procedimentos de prevenção e controle da covid-19 entre seus trabalhadores.”

A pasta lembra que o Brasil possui regramento para prevenção, controle e mitigação de riscos de transmissão do coronavírus nas atividades da indústria de abate e processamento de carnes e derivados.

O governo destacou, inclusive, que a portaria com essas medidas já foi traduzida para o mandarim e entregue às autoridades sanitárias chinesas: 

“O Mapa está mantendo contatos frequentes com a GACC no intuito de prestar as informações requeridas de forma ágil e transparente, mas também para reforçar que as decisões sobre eventuais suspensões de importação devem ser embasadas em informações científicas.”

Referências: [1]

Comentários