Bolsonaro comenta sobre Aliança pelo Brasil fora das eleições

“Pelo que tudo indica, não dá tempo de sair”, disse Bolsonaro sobre seu partido em formação.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta sexta-feira (6), que o partido Aliança pelo Brasil não deve ficar pronto para as eleições municipais de 2020. 

Para ter o registro aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) são necessárias 492.015 assinaturas.

A sigla em formação já apresentou mais de 80 mil fichas, mas apenas 6,6 mil foram aprovadas — menos de 2% do necessário. 

“Pelo que tudo indica, não dá tempo de sair”, disse o chefe do Executivo ao comentar sobre o assunto.

Cerca de 13,7 mil rubricas foram rejeitadas pelos técnicos, incluindo a de sete pessoas apontadas como mortas.

De acordo com o jornal Correio Braziliense, o chefe do Executivo justificou:

“A questão de mortos, a manchete, acho que foi do Estado de São Paulo, ‘Aliança tem…’. São sete mortes. Um, o cara lá assinou a ficha e, na semana seguinte, teve uma acidente de motocicleta. Morreu. Os outros meia dúzia…”

E completou:

“Só sete, né? De não sei quantos mil, 50 mil. Sete apenas. Era CPF errado, a numeração errada, só isso aí.”

Comentários