Coronavírus: respiradores do Rio de Janeiro chegam a BH para serem consertados

Nove respiradores hospitalares vindos do Rio de Janeiro chegaram nesta quinta-feira (16) no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, para passarem por reparos.

O conserto será realizado no Centro de Inovação e Tecnologia do Senai-Fiemg. Os equipamentos foram encaminhados para Belo Horizonte por determinação do Ministério da Defesa já que foram transportados por uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB).

Força-tarefa

Uma operação montada pelo Senai e dez empresas está recuperando respiradores, fundamentais para pacientes graves com Covid-19. O equipamento leva o ar por um tubo na traqueia para os pulmões. Ele custa em média R$ 80 mil.

Depois de consertados os equipamentos serão devolvidos para as cidades de origem.

Comentários