Dallagnol deixa o Ministério Público e deve seguir caminho de Moro na política

O ex-coordenador da Lava-Jato, Deltan Dallagnol, deixou o Ministério Público. O anúncio foi feito nas redes sociais do ex-procurador na tarde desta quinta-feira, 4. Em vídeo publicado no Twitter, Dallagnol diz que sempre sonhou com um “país mais justo e melhor”, e que deseja transformar a sociedade pela cidadania. “Minha vontade é fazer mais, fazer melhor e fazer diferente diante do desmonte do combate à corrupção que está acontecendo”, afirma Dallagnol. No material, entretanto, o ex-procurador não detalha qual será seu futuro, mas dá a entender que poderá seguir uma carreira política, algo similar ao que o ex-juiz Sérgio Moro está fazendo. “Eu creio que agora eu posso fazer mais pelo meu país fora do Ministério Público, lutando com mais liberdade pelas causas em que eu acredito”, acrescentou Dallagnol. Em setembro de 2020, após seis anos na coordenação da força-tarefa, Dallagnol já havia se afastado da Lava-Jato.

Jovem Pan

Comentários