Luiz Eduardo Ramos entra para reserva remunerada do Exército

Quando foi convidado por Bolsonaro para fazer parte do governo, o general estava à frente do Comando Militar do Sudeste.

O ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, foi transferido para a reserva remunerada do Exército Brasileiro.

O decreto de transferência, assinado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, foi publicado, nesta quinta-feira (16), no Diário Oficial da União.

No mês passado, o ministro já havia anunciado que anteciparia o fim do serviço ativo no Exército e passaria para a reserva.

O general serve às Forças Armadas desde 1973, quando entrou na Escola Preparatória de Cadetes do Exército. Mas desde 4 de julho do ano passado, quando assumiu a Secretaria de Governo, já estava afastado do Alto Comando do Exército, destaca a agência EBC.

Comentários