Multidão invade condomínio do ‘Minha Casa Minha Vida’ em São Luís

Uma tentativa de invasão a um condomínio de apartamentos do programa Minha Casa Minha Vida foi registrado na manhã deste sábado (23), no Condomínio Piranhenga, no bairro Pindorama, em São Luís.

No vídeo que circulou nas redes sociais, um grupo de pessoas, muitas sem máscaras, se aglomerou durante esse movimento. O vídeo não mostra, mas a Polícia Militar diz que foi ao local conter o grupo.

Segundo a polícia, não houve depredação dos imóveis. O grupo alega que o empreendimento está pronto há seis anos, mas nunca foi entregue para a população.

Por meio de nota ao G1, a Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) informou que junto com a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) trabalha para evitar a ocupação, que é criminosa. A Secid afirma que a tentativa de invasão está sendo investigada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA).

A secretaria explica que as obras no Residencial Jomar Moraes foram iniciada em 2016, estão em fase de conclusão e os beneficiários foram cadastrados e aprovados pela Caixa Econômica. Os moradores são de baixa renda e parte deles foi removido das palafitas do PAC Rio Anil. (Veja a nota na íntegra abaixo).

“A Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) informa que as obras do Residencial Jomar Moraes foram iniciadas em 2016 e estão em fase final de conclusão.

Os beneficiários, já cadastrados e aprovados pela Caixa Econômica Federal, são de baixíssima renda e parte deles foi removida das palafitas do PAC Rio Anil.

Acompanhados pelo Setor Social da Secid, a Polícia Militar do Maranhão trabalha para evitar a ocupação, que é criminosa. Tal tentativa já está sendo investigada pela Secretaria de Segurança Pública.

A SSP reforça, ainda, que não compactua ou legitima quaisquer condutas que não coadunam com os princípios profissionais e éticos que orientam as atividades dos integrantes da corporação”.

G1/MA

Comentários