OMS ‘necessita urgentemente’ de reformas, diz Bolsonaro

“Desde o início, também critiquei a politização do vírus”, afirmou Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a apontar a necessidade de uma reforma da Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Em discurso durante a XII Cúpula de Líderes do Brics, grupo de países que reúne BrasilRússiaÍndiaChina África do Sul, nesta terça-feira (17), Bolsonaro declarou: 

“Desde o início da pandemia alertei que a saúde e a economia deveriam ser tratadas simultaneamente e com a mesma responsabilidade. Nenhum país pode enfrentar essa situação excepcional sem dar atenção aos sinais vitais da economia.” 

E acrescentou: 

“Assim, agiu o Brasil. Desde o início, também critiquei a politização do vírus e o pretenso monopólio do conhecimento por parte da OMS, Organização Mundial da Saúde, que necessita urgentemente, sim, de reformas.” 

Comentários