Projeto arquitetônico do novo CT é protocolado, e Vasco espera licença de obras em até 90 dias

O Vasco avançou mais um etapa importante para a construção do seu futuro Centro de Treinamentos, que será em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Na última segunda-feira, o clube protocolou o projeto arquitetônico da primeira fase na Secretaria Municipal de Urbanismo (SMU) e, mesmo com um prazo máximo de 180 dias, a expectativa é de que a licença para as obras saia em até três meses.

Outras licenças são diretamente ligadas a obtenção da licença de obras, como por exemplo a ambiental que já foi adquirida pelo clube.

Mesmo que não saia no tempo esperado, a licença não limita o clube de concluir a primeira fase das obras, pois, como previsto no projeto, as instalações são estruturas provisórias destinadas a receber o futebol profissional enquanto o CT não for totalmente finalizado e serão construídas com contêineres, a fim de reduzir custos e cumprirmos os prazos estabelecidos.

Maquete do futuro CT do Vasco — Foto: RAFAEL RIBEIRO/VASCO

Maquete do futuro CT do Vasco — Foto: RAFAEL RIBEIRO/VASCO

Vasco já arrecadou mais de R$ 2,5 milhões

O Vasco iniciou as obras no fim de setembro, logo após finalizar com sucesso a primeira fase de arrecadação – o valor de R$ 2 milhões previsto foi atingido. A expectativa é concluir a etapa inicial da obra no primeiro semestre de 2020. O objetivo é que o elenco profissional comece a treinar no novo CT para o Brasileiro.

Confira as 4 etapas iniciais de construção do CT:

  • Terraplanagens e serviços técnicos: R$ 2 milhões
  • Campo 1 e muros: R$ 1,5 milhão
  • Campo 2 e adjacências: R$ 1,5 milhão
  • Edificações do futebol profissional: R$ 1 milhão

Os torcedores podem contribuir para o financiamento do CT através do seguinte site: https://www.kickante.com.br/campanhas/rumoaonossoct. Dependendo do valor doado, haverá recompensas.

Comentários