Rosa Weber autorizou operação da PF contra gabinete na Câmara

Semana passada, agentes da PF foram barrados na entrada Congresso durante operação contra senador do PSDB.

A Polícia Federal (PF) voltou ao Congresso Nacional, nesta segunda-feira (27), para executar mandados de busca e apreensão no gabinete da deputada federal Rejane Dias (PT-PI). 

Desta vez, no entanto, houve uma autorização prévia da ministra da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, para que a operação fosse realizada, destaca o portal Terra.

A visita da PF ao Parlamento acontece menos de uma semana após ser barrada na porta no Senado Federal em operação contra o tucano José Serra.

Os 21 agentes enviados pela corporação foram impedidos de realizar busca e apreensão no gabinete de Serra por determinação do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-RJ), que recorreu ao presidente do STF, Dias Toffoli.

Comentários