‘Terão que pagar um preço’, diz China sobre Reino Unido

China criticou decisão do Reino Unido. Já os Estados Unidos imediatamente celebraram a medida contra a Huawei.

O regime comunista da China criticou, nesta quarta-feira (15), a decisão do Reino Unido de banir equipamentos da gigante tecnológica Huawei de sua rede de internet 5G.

O primeiro-ministro Boris Johnson decidiu, nesta terça-feira (14), excluir até 2027 todo o material da empresa chinesa da sua nova rede de internet móvel.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Hua Chunying, disse que Londres se deixou “enganar” pelos Estados Unidos.

Em conversa com a imprensa, Chunying disse que a China alertou que “tomará uma série de medidas para defender os interesses legítimos das empresas chinesas”.

“Terão que pagar um preço” por esta decisão, afirmou sem dar mais detalhes, destaca a agência France-Presse.

Comentários