Trump ajuda Israel e Sudão a fechar acordo histórico

Chefe da Casa Branca celebrou o futuro ao ajudar na assinatura do acordo.

Israel Sudão aceitaram, nesta sexta-feira (23), adotar medidas para normalizar as relações entre as nações. 

O acordo foi mediado pelo presidente Donald Trump, dos Estados Unidos.

Em discurso no salão oval da Casa Branca, Trump declarou:

“Eles [Israel e Sudão] estão escolhendo um futuro no qual árabes e israelenses, muçulmanos, judeus e cristãos possam viver juntos, orar juntos e sonhar juntos, lado a lado, em harmonia, comunidade e paz.”

No início da semana, Trump retirou o Sudão de uma lista de patrocinadores estatais do terrorismo, abrindo caminho para o entendimento com Israel.

Em um comunicado, o governo dos EUA afirmou que “nas próximas semanas, os dois países iniciarão negociações sobre acordos de cooperação nas áreas de agricultura, economia, comércio, aviação, migração e outras áreas de benefício mútuo”.

Comentários