Volta às aulas no MA: secretários falam sobre medidas para retornar educação presencial

Após um ano de portas fechadas, as escolas públicas de São Luís reabriram nessa segunda-feira (2). Devido a pandemia da Covid-19, as aulas eram remotas, sendo o ensino mediado por meio do computador ou celular.

Em entrevista nesta segunda, o secretário estadual Felipe Caramão e o municipal Marco Moura falaram sobre o retorno das atividades acadêmicas em todo o estado.

De acordo com Felipe Caramão, o retorno às aulas no ensino estadual não é facultativo. Todos os alunos e professores precisam voltar as escolas, exceto mulheres gestantes. Pessoas com comorbidades devem continuar em ensino remoto (veja vídeo abaixo).

Rede estadual de ensino retoma aulas presenciais no MA

Rede estadual de ensino retoma aulas presenciais no MA

Ensino municipal

Também sobre a volta às aulas, o secretário municipal Marco Moura, destacou a necessidade de cautela para um retorno sem riscos a alunos e professores.

“Nossos professores precisam de orientação para que nós possamos fazer um retorno gradual e responsável, de forma transparente e de busca pela aprendizagem. A comunidade escolar nunca passou por um momento como esse, precisamos ter cautela e responsabilidade”, disse.

Funcionamento das escolas municipais

Ainda de acordo com o secretário, as escolas serão formadas em grupo. Para ele, cada escola possui uma particularidade, mas a definição de como cada uma vai funcionar, vai ficar a cargo da Secretaria Adjunta de Ensino. Segundo ele, o aluno ficará uma semana na escola e na outra terá acesso ao ensino em casa.

Crianças sem acesso à internet

O secretário afirmou que na educação infantil há um remanejamento interno para garantir o retorno das crianças a escola. Segundo ele, houve uma pesquisa com os pais dos alunos e a grande maioria deles informaram que têm acesso à internet em casa (veja o vídeo).

Escolas municipais retornam aulas em São Luís

Escolas municipais retornam aulas em São Luís

G1MA

Comentários